Pular para o conteúdo principal

Get up, try.


O mundo não é escuro lá fora, mas no teu coração parece ser. Parece estar sujo de memórias que te magoaram. Pedes por ajuda mas não te consegues levantar. Não sabes porquê mas continuas a sentir o mundo a desabar. Talvez não saiba o que tu sentes, no entanto sei como te ajudar. 
Pensamos de diferentes maneiras porque não passamos pelas mesmas situações, mas também já me senti triste. Também já chorei só por sentir raiva. Os problemas também já vieram ter comigo e eu tive que fingir que estava tudo bem. Controlar-me para não explodir e sabes que mais, fiz mal.  Deixei de conhecer os meus limites. Deixei de me sentir bem comigo mesma, mas nunca perdi a vontade de viver. 
Aceitar-te como és é fundamental. 
Aprendi assim a viver comigo. Descobri como dar de alma e coração as pessoas sem esperar algo. Controlar os meus defeitos e dar lazer as qualidades. Ninguém vai lidar todos os dias comigo a não ser eu. Preciso de gostar de mim, principalmente ter respeito por mim. O mesmo se aplica a ti. Tu sabes o que magoa, porque que não tentas remediar, deita para cá para fora. Não esperes que vão ter contigo e te digam para desabafares, ambos sabemos que nos filmes isso resulta. Se te perguntarem a tendência é para dizeres nada, e as pessoas não te vão querer chatear. Fala com alguém que confies amigo antigo ou muito recente, ou mesmo as pessoas que te magoaram. São importantes para ti, tenho a certeza, se não, não te sentias assim. Vais sentir-te melhor, esse casulo que vive na tua garganta vai sair. Peço-te é para não viveres com esse pó que te suja o coração e não te deixa olhar para o futuro com cor.

Eu sou de remar, sou de insistir..


Musica: Colbie Caillat - Try 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Motivação, Frustração e Conflito.

A motivação é o que leva o sujeito a agir,  a iniciar um ação, continuar ou acabar. É o motor de todos os nossos comportamentos. As atitudes e os comportamentos são determinados pela motivação. Isto é um processo dinâmico, há que ter em conta as diferenças individuais e os motivos que regem as ações das pessoas. Vem da necessidade, da carência e da ausência de, do estado interno da pessoa que resulta dessa necessidade, do impulso que serve para satisfazer as necessidades fisiológicas básicas (como comer, beber, dormir) e do instinto (padrões de comportamento hereditários). A motivação vária com o contexto, tarefa, a orientação e a intensidade. Tem factores intrínsecos (características interiores do individuo) e extrínsecos (ambiente, como frio e sol). Os extrínsecos podem ser factores do acaso, ou seja não planeados ou factores contingentes (previsíveis). Podem ainda ser individuais (relacionados com a sobrevivência não aprendida) ou sociais (aprendidos através das interacções sociai…

Retrato da semana #2

Imagem retirada: Facebook - Cifras

Apenas conversar.

Hoje vim contar-vos um pouco da minha forma estranha de ser. Conheço algumas pessoas com estar forma de viver no mundo e confesso que tenho alguma dificuldade em lidar com elas por serem tão parecidas comigo, com as outras também, mas pronto. Chamo-lhe síndrome da escassez de palavras. Tenho dificuldade em falar com pessoas que falem muito e não sabem ouvir. Gente que gosta muito de falar, que tem assunto sobre tudo, mas só se quer fazer ouvir. Acabo por olhar para o horizonte e responder com poucas palavras monossilábicas. Algumas fazem-me sentir que o que estou a fizer não tem interesse nenhum. Se eu tento criar assunto com alguém e recebo desprezo vou deixar de ter vontade de interagir e comunicar com essa pessoa. Por vezes, tenho alguma vergonha de me mostrar, dá-me para medir as palavras, por não saber exactamente ideia que a pessoa tem de mim ou simplesmente por achar que essa pessoa tem uma ideia errada acerca deste ser, não me sinto à vontade com a pessoa e só me apetece fugi…